michele contel

sobre dores e amores desde 2010

Sobre a romantização do sofrimento como inspiração e sobre minha leveza

O ano era 2015. Ou 2016. Talvez 2017? Mas, em um desses três anos, já vivendo em São Paulo e vivendo o que seria o meu maior período de paixões rápidas e irrelevantes, conheci uma pessoa que se tornou um dos meus mais especiais amigos. Tenho facilidade em atrair gente talentosa para perto de mim e …

Formulário para a página de contato (não remover)