Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2019

Bilhete para um desamor

Imagem
Ilustração: Amara Living você me olhava tão forte que parecia me despir. ainda que seus olhos se confundissem em seus próprios movimentos e perdessem o foco por causa de todo o álcool bebido entre descobertas e confissões, eu sempre sentia todos os pelos do meu corpo se eriçarem quando você fitava os meus. seus olhos grandes, escuros e perfeitamente desenhados. você parecia um anime em carne viva. um personagem canastrão, de movimentos marcantes e exagerados, na minha frente. * das várias coisas que eu poderia guardar de você, fico com as boas. com o "eu te amo" arrancado depois de anos sem conseguir juntar essas palavras na mesma frase. do seu macarrão com berinjela e alcaparras. do poke feito em um domingo na cozinha da sua casa. do peixe enrolado no jornal. de todas as vezes em que saimos no meio daquele filme que assistíamos com sua irmã, no nosso primeiro domingo, para transar no seu quarto. eu guardo o sexo. de como eu me senti completa, amada e todos os clichês

Bilhete para um desamor

Imagem
Ilustração: Amara Living você me olhava tão forte que parecia me despir. ainda que seus olhos se confundissem em seus próprios movimentos e perdessem o foco por causa de todo o álcool bebido entre descobertas e confissões, eu sempre sentia todos os pelos do meu corpo se eriçarem quando você fitava os meus. seus olhos grandes, escuros e perfeitamente desenhados. você parecia um anime em carne viva. um personagem canastrão, de movimentos marcantes e exagerados, na minha frente. * das várias coisas que eu poderia guardar de você, fico com as boas. com o "eu te amo" arrancado depois de anos sem conseguir juntar essas palavras na mesma frase. do seu macarrão com berinjela e alcaparras. do poke feito em um domingo na cozinha da sua casa. do peixe enrolado no jornal. de todas as vezes em que saimos no meio daquele filme que assistíamos com sua irmã, no nosso primeiro domingo, para transar no seu quarto. eu guardo o sexo. de como eu me senti completa, amada e todos os clichês